sábado, 31 de maio de 2008

Serenidade



A primeira vez que que parei pra pensar nessa palavra - serenidade - foi na faculdade de Teologia, quando o Pr Isaltino Gomes orava pelos alunos que apresentariam o sermão de prova que seria gravado e rigorosamente avaliado, eu apresentaria naquela noite, estava tremendo tanto, minhas pernas bambeavam, meus lábios batiam levemente, como quando estamos com muito frio, e meu raciocínio parecia ter ido dar uma volta, eu não lembrava de nada que havia preparado... então ele orou "Senhor dê serenidade a eles..." e muito calmamente apresentei o sermão naquela noite, e apesar da situação embaraçosa, me sai bem graças a Deus e eu acredito à oração do Pr Isaltino.
Hoje lembrei-me da SERENIDADE e pedi ela a Deus, pedi com tanta necessidade, com tanta precisão, com olhos de menor carente... que Ele tem me ouvido... e novamente em meio a tremiliques, ao frio no meu interior e à situação embaraçosa Ele me concede Serenidade, que sempre vem acompanhada de Calma, Tranqüilidade, Mansidão, Sossegado e Paz ...
É assim que me sinto agora serena...