sábado, 9 de agosto de 2008

Pra pensar...


Quanta informação! Quantos avanços incríveis na compreensão do universo! Então, como é possível que a fome, a opressão e a tirania ainda dominem o cenário?!


O problema é que tentamos fazer com que a Ciência cumpra uma tarefa que não lhe foi designada. A razão pela qual essas calamidades continuam, ano após ano, é que elas não são um problema científico ou tecnológico. Peça que a Ciência projete um raio de energia eletromagnética através do espaço e nos envie uma foto da superfície de Marte ou Tritão, e ela rapidamente nos dará uma resposta. Pergunte como se organiza o Genoma humano ou qual é a natureza das endorfinas e como afetam o cérebro, e ela não hesitará em responder. Porém se lhe perguntarmos como resolver os piores problemas da atualidade, ela terá de dizer: “Sinto muito; essa não é a minha área.”... Os piores problemas da nossa época não são de natureza científica, e sim moral... Considere, por exemplo, a fome. Há pessoas famintas não por causa da escassez de alimento no mundo, mas por causa da terrível desigualdade na sua distribuição. Essa desigualdade, por sua vez, é o resultado de uma distribuição ainda mais desigual de riqueza, educação e meios de produção e transporte. A opressão e negligência dos que não têm nada por parte dos que têm demais é definitivamente um problema moral... Terror, opressão política e tirania são claramente situações morais. O mesmo acontece com a violência doméstica, o aborto, os vícios e o estilo de vida que tornou a AIDS a maior pandemia da história... Se esses problemas fossem problemas científicos ou tecnológicos, já teriam sido resolvidos há muito tempo, pois somos realmente bons nisso.
Loron Wade . Os Dez Mandamentos